logo federação
44 ANOS
logo federação
Principal Estatuto Disciplinar Rel. Anual Diretoria História Contato Localização
Notícias Fotos Vídeos Mídias Colunas Biblioteca
Enquetes Eventos Galeria de Honra Fundo do Baú Publicações
Atletas Clubes Regulamentos Calendário Resultados Campeonato Recordes Validador
NOTíCIAS
voltar ao menu
ÚLTIMAS PARTICIPAÇÕES DOS ATIRADORES MARANHENSES NAS ETAPAS DO CAMPEONATO BRASILEIRO 2014
25/02/2014
E recomeçou a temporada do tiro esportivo.

Recentemente foram realizadas as primeiras competições do ano de 2014, mais especificamente as primeiras etapas dos Campeonatos Brasileiros On-Line de Carabina e Pistola e também do Trap Americano. E nossos atiradores não deixaram os canos de suas armas enferrujar. Eles simplesmente foram muito bem em suas participações. Acompanhe aqui o desempenho deles.

Atiradores maranhenses voltaram aos estandes e já fizeram bonito logo nos primeiros tiros do ano. Começando pela Etapa do Campeonato Brasileiro de Carabina e Pistola, realizada nos estandes do Clube de Caça, Pesca e Tiro do Maranhão – CAPETIM, e pela prova de Carabina de Ar Olímpica, tivemos o atirador Alysson Marquezelli, agora na elite do Tiro brasileiro, na Classe A, Sênior, (até 55 nos) que alcançou o resultado de 571 pontos (de 600 pontos máximos possíveis, onde se dão 60 disparos com pontuação que varia de zero a 10 pontos, dependendo de onde acertar) ficando em 6º lugar nacional, uma maravilhosa colocação. Ainda nesta mesma modalidade, tivemos Rui Duarte, na categoria Máster (acima de 55 anos) que venceu a competição na sua categoria, ganhando um merecido 1º lugar.

Ainda falando das modalidades Olímpicas (são aquelas modalidades do tiro esportivo que participam dos Jogos Olímpicos), na prova de Carabina Deitado, tivemos Rui Duarte, que ficou em 2º lugar nacional na categoria Máster, com a pontuação de 559 pontos (de 600 pontos máximos possíveis), perdendo apenas para o atirador e ex seleção brasileira de tiro, José Augusto Pacheco, do Rio de Janeiro, que venceu a prova por apenas 2 pontos de vantagem.

Nas provas especiais, que fazem parte do calendário brasileiro, mas não fazem parte da programação olímpica, tivemos na prova de Carabina Mira Aberta 25 metros, na Classe B, a segunda colocação brasileira com o atleta maranhense Johnson Willis, que alcançou pela primeira vez um podium nacional, e revelou sua fase ascendente no esporte.

E nesta mesma modalidade, tivemos mais uma vitória de Rui Duarte, que venceu nacionalmente em sua categoria, com o grande resultado de 327 pontos (de 360 pontos máximos possíveis).

Na prova de Carabina Mira Aberta 50 metros - Calibre Maior, tivemos a terceira colocação nacional do atual vencedor do Troféu Mirante 2013, Ben-Hur Nóbrega, na Classe A, (ano passado ele foi Campeão Brasileiro da classe B desta modalidade, permitindo que ascendesse para a sua atual classe). Ele fez 183 pontos de 200 possíveis.

E ainda falando da mesma prova, mas na classe B, tivemos a agradável surpresa da vitória de Fábio Bessa, que simplesmente venceu a competição nacional, e manteve a escrita de vencedor da modalidade com o Maranhão, pois no ano passado o maior vencedor desta mesma modalidade foi Ben-Hur Nóbrega. Para quem acompanha Fábio Bessa de perto, sabe do esforço que ele tem feito na disputa desta modalidade. Parece que os Deuses do Tiro recompensaram seus sacrifícios.

E mais uma vez Johnson Willis reaparece em cena com uma segunda colocação nacional na prova de Carabina Mira Aberta 50 metros – Calibre Menor. Ele também foi recompensado pelos Deuses do Tiro, que acompanham seu sacrifício ao longo dos anos. Rui Duarte também deu sua contribuição e logrou a segunda colocação nacional nesta modalidade.

Na prova de Carabina Mira Aberta de Ar, o Maranhão alcançou duas colocações de terceiro lugar, sendo uma com Fábio Bessa, na categoria Sênior Classe C, e outra, mais uma vez, com nosso campioníssimo Rui Duarte.

E saindo das armas longas para as armas curtas, tivemos a 2ª colocação na categoria Sênior Classe B, da prova de Duelo 20 segundo Pistola Calibre Menor, o atirador Ruan Boaid, que fez 187 pontos de 200 máximos. Outro atirador de armas curtas, Julian Hague, também participou e subiu ao podium. Foi na prova de Duelo 20 segundos Revólver Calibre Menor, que com 182 pontos ele alcançou a segunda colocação nacional na categoria Máster.

Agora falando do Tiro ao Prato, na sua modalidade de Trap, que também iniciou sua temporada 2014, na primeira Etapa, tivemos a grande participação do atirador Gilmar Blatt, que alcançou um grande resultado nas duas competições desta modalidade. Venceu nacionalmente, na categoria Sênior Classe C, tanto a modalidade Top 100 (100 pratos para serem quebrados) quanto a Top 200 (200 pratos par serem quebrados). Ele fez respectivamente 98 pratos e 190 pratos. Resultado de gente grande. Vale esclarecer que Gilmar Blatt, que era da Classe A, por ter parado de atirar por um período, quando retornou entrou na Classe C, como reza o Regulamento da CBTE.


Estes e outros atiradores ainda participaram em outras modalidades, marcando a presença do Maranhão na 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro de forma significativa e trazendo muitos podiuns ao nosso Estado.

Parabéns a todos eles e muito mais sucesso para este ano que só acabou de iniciar.
fonte: FMTE
Instrutores Credenciados Wir Equipamentos Gregory Armeiro Camping & Cia Paula Carvalho - Avaliação Psicológica Blog Tiro Olímpico Blog Primeiros Tiros
Estatuto  |  Disciplinar  |  Rel. Anual  |  Diretoria  |  História  |  Contato  |  Localização  |  Notícias  |  Fotos  |  Vídeos  |  Mídias  |  Colunas  |  Validador
Biblioteca  |  Enquetes  |  Eventos  |  Fundo do Baú  |  Publicações  |  Atletas  |  Clubes  |  Regulamentos  |  Calendário  |  Resultados  |  Campeonato  |  Recordes

Av. Colares Moreira, 444 sala 646 B
Jardim Renascença - São Luís - MA - 65075-441
(98) 98118-1188 whatsapp